CONEXÃO PASSIRA: 23 de Outubro de 2011

Radio

domingo, 23 de outubro de 2011

TERROR ACABA JOGO DE DOMINÓ: OUTRO JOVEM É EXECUTADO EM JOÃO ALFREDO.


Leonardo Nasário da Silva, 19 anos, foi assassinado com um tiro de revólver na face, por volta das 13 horas deste domingo (23), no sítio Catolé, zona rural de João Alfredo. A vítima estava com dois amigos jogando dominó  no “Bar do Dé”, naquela comunidade rurícola, quando duas pessoas chegaram numa moto, com placa coberta por uma camisa, e anunciaram um assalto. Ao se virar para constatar o fato, Leonardo recebeu o tiro à queima roupa, e os meliantes se retiraram imediatamente, tomando destino ignorado,nem suas identificações.

Ao serem informados da  ocorrência, policiais civis e militares rumaram ao local e efetuaram o levantamento cadavérico.  As primeiras pistas do que teria motivado o crime foram colhidas, mas não foram reveladas a fim de não prejudicar as investigações.  Ninguém quis dar informações detalhadas à polícia. O corpo de Leonardo ainda está em João Alfredo, mas amanhã (24) será encaminhado ao IML (Recife), para o laudo autopcial.  Este é o 11º homicídio registrado em João Alfredo neste ano.

IMAGENS FORTES, DESACONSELHÁVEIS PARA MENORES:                                            ...IMAGENS............

TELETON SUPERA OS 27 MILHÕES.


Silvio Santos e Hebe Camargo estavam juntos no palco do Teleton superou a meta de arrecadação para a AACD, no início da madrugada deste domingo (23), foi superada . A campanha arrecadou R$ 26.802.633 quando a meta era de R$ 24 milhões. Com a verba, a AACD afirmou que pretende construir duas novas unidades da instituição: uma na Paraíba e outra no Espírito Santo.
Um dos momentos divertidos aconteceu quando o ex-jogadorRonaldo - que doou R$ 150 mil - afirmou que doaria mais R$ 50 mil caso Silvio desse um selinho em Hebe. Pouco à vontade com a brincadeira, o apresentador disse que não daria o beijinho. "Não sou fácil", afirmou Silvio, arrancando risos dos presentes. "Peço aos meus fãs que liguem. Conheço muito bem a AACD e acredito muito no trabalho que é feito", disse Ronaldo, que na próxima semana deve fazer uma visita à entidade. 

Um dos destaques de doações foi o empresário EIKE BATISTA que em um telefonema doou a quantia de R$ 3 milhões de reais, além da empresa HIPERCARD que doou a quantia de R$ 6 milhões de reais.

Da revista QUEM!

"QUEREM TIRAR NOSSO MINISTRO NO GRITO", REAGE PCdoB


 “Cadê a bomba? Prometeram provas e não apresentaram nada. A bomba caiu no colo deles”. Essa foi a reação do presidente nacional do PCdoB, Renato Rabelo, ao comentar, neste sábado, as novas denúncias divulgadas pela revista Veja contra o ministro do Esporte, Orlando Silva. Segundo Rabelo, as gravações e documentos expostos são frágeis e não mostram, de maneira alguma, ligação entre o ministro e os supostos desvios de verbas no projeto Segundo Tempo, que está sob o comando da pasta. “Disseram que o ministro recebia dinheiro numa garagem, que ele era chefe de uma rede de corrupção, mas isso está comprovado onde?”

Renato Rabelo falou com o Diario de Pernambuco por telefone, após ler a mais nova rodada de denúncias que saíram sobre o ministro em revistas de circulação nacional e jornais, como a Folha de São Paulo. Pouco antes, às 15h, ele havia postado no Twitter, uma das redes sociais da Internet, que seu partido tinha “aumentado o apoio e a confiança no ministro”. “Querem confundir. Não fizemos nenhum acordo para tirar Orlando”, continuou.

No grito não!

Para o presidente do PCdoB, os dois ofícios divulgados pela Veja neste sábado mostram apenas que os assessores do ministério fizeram cobranças ao policial João Dias Ferreira e deram mais tempo para que ele se explicasse. “Querem tirar o nosso ministro do cargo no grito e não vamos aceitar isso. Entendemos que se trata de uma campanha declarada contra a nossa legenda. Se isso está acontecendo, é porque estamos incomodando alguém”, disparou, negando que houvesse “fritura” do ministro na própria base governista. Ele lembrou que, na última sexta-feira, Orlando Silva reuniu-se com a presidente Dilma Rousseff (PT), que decidiu mantê-lo no cargo.
 (Do Diario de Pernambuco - Aline Moura)

PCdoB: COMUNISTA DE PERNAMBUCO MUDOS NA DEFESA DO MINISTRO.

 Apesar da defesa que fez o presidente nacional do PCdoB, Renato Rabelo, em favor doministro e companheiro de partido, Orlando Silva, os principais comunistas de Pernambuco, como o presidente estadual, Alani Cardoso, o deputado Luciano Siqueira e a deputada federal, Luciana Santos, preferiram silenciar sobre as novas denúncias. Inclusive sobre a história do pastor David Castro, da Igreja Batista Gera Vida, de Brasília, que garante ter sido pressionado a pagar 10% de um total de R$ 1,2 milhão em propina para um funcionário não identificado do ministério. O pastor é filiado ao PP, disse que não aceitou fazer acordo e sofreu retaliações na hora da prestar contas da verba, quando sofreu “dificuldades”.

As lideranças comunistas do Estado foram procuradas pela reportagem, mas não deram retorno. Uma estratégia, segundo avaliação de alguns aliados, para evitar expor Luciana Santos nesse momento. O nome dela vinha sendo cotado para substituir o ministro desde que as denúncias estouraram. Luciana foi a primeira opção de Dilma para o ministério, mas, desde o início, a cúpula da sigla optou por manter Orlando
(Diario de Pernambuco - Aline Moura)